Detalhes

PMOC: Coordenadores das Vigilâncias Sanitárias se atualizam sobre novo padrão de sistemas climatizados

Publicado em 09 de agosto de 2018 às 17:53, com última atualização em 15 de agosto de 2018 às 13:14

Coordenadores das vigilâncias sanitárias de seis municípios capixabas – Aracruz, Cariacica, Viana, Vila Velha, Vitória e Serra –, se reúnem na próxima segunda-feira (13/8), às 15h, no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Espírito Santo (Crea-ES).

O objetivo da reunião é alertar e instruir os agentes sanitários sobre a importância do Plano de Manutenção, Operação e Controle (PMOC), que passou a ser obrigatório desde que foi sancionado em janeiro de 2018. O prazo para adequação ao novo padrão de sistemas climatizados terminou no dia 3 de julho deste ano.

O PMOC

Essa nova norma procura assegurar a qualidade do ar nos ambientes climatizados de empresas de grande porte, edifícios e shoppings, entre outros, e garantir a boa qualidade do ar interior, considerando padrões de temperatura, umidade, velocidade, taxa de renovação e grau de pureza.

Enquanto a aplicação do PMOC é de responsabilidade da Vigilância Sanitária, a contratação de um responsável técnico habilitado para a elaboração do Plano de Controle deve ser fiscalizada pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) de cada Estado.

Pela Resolução nº 218/73 do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), que discrimina as atividades das diferentes modalidades profissionais da engenharia e agronomia, os responsáveis por elaborar e responder pelo PMOC nas empresas são os engenheiros mecânicos e industriais.

Curso

Na mesma semana da reunião com os representantes das Visas, acontece também o curso “Aperfeiçoamento sobre Implantação do PMOC” no auditório do Conselho, que pretende capacitar engenheiros mecânicos para atuação nessa área, cumprindo integralmente a legislação.

Para saber mais sobre o curso e fazer sua inscrição, CLIQUE AQUI.

Mirella Ebani
Equipe de Comunicação do Crea-ES


Clique aqui para voltar